Moradores constroem barreiras após ressaca que destruiu pousada em SP

Pousada foi arrastada por força do mar e várias casas foram atingidas.
Barreiras de contenção feitas por munícipes também foram levadas.
video
Os moradores de Ilha Comprida, no litoral de São Paulo, viveram momentos de tensão durante o último fim de semana por conta da subida da maré. Além da pousada que foi arrastada pela força do mar, várias casas foram atingidas, fazendo com que dezenas de moradores perdessem muitos pertences e obrigando vários outros a deixarem as moradias.

De acordo com moradores da cidade, essa não é a primeira ressaca que atinge e destrói as moradias que ficam na parte costeira da cidade. Na Ponta da Praia, muitas casas foram destruídas e abandonadas depois de sofrerem várias vezes as consequências da maré alta e da força das ondas.

Pousada foi 'levantada' pela água do mar em Ilha Comprida, SP (Foto: Rodrigo Luiz/Arquivo Pessoal)
Um dos moradores do local, Eliel Moreira Romeiro conta que a situação tem ficado cada vez mais preocupante para a população local. "Quando o fenômeno é pequeno, a gente pode ir driblando. Já o grande, infelizmente, não dá", lamenta.

Com o avanço do mar, alguns munícipes chegaram a fazer barreiras de contenção no local, para tentar conter o avanço da maré. Da primeira vez, usaram sacos de areia pesando aproximadamente duas toneladas. Seis meses depois, colocaram estacas de madeira. Em ambos os casos, as barreiras foram levadas pela ressaca. Agora eles começam a pensar em uma nova solução e em novos materiais para evitar mais estragos.

Outro morador, Saulo Anguinoni conta que, neste ano, conseguiu salvar sua casa usando os sacos de areia e as estacas, mas que não sabe como será o futuro. “O ano que vem eu sei que vai ser muito difícil. Não vai dar para salvar nada”, lamentou.

Histórico

Em junho deste ano, uma forte ressaca também foi registrada na cidade. A água do mar invadiu algumas casas e destruiu parte de um muro. Uma das casas que fica em frente a Ponta da Praia foi atingida. A ressaca destruiu parte de um muro e invadiu o quintal, quebrando também a cerca de uma horta.
Construção ficou destruída com força da ressaca (Foto: G1)
Construção ficou destruída com força da ressaca (Foto: G1)

Comentários