Câmara de Leiria Praia do Pedrógão "mais protegida" do avanço do mar (Portugal)

17:18 Marco Lyra | Engenheiro Civil | Especialista em Obras de Defesa Costeira. 0 Comentarios


O vereador do Ambiente da Câmara de Leiria, Ricardo Santos, disse hoje que a praia do Pedrógão, a única do concelho, está agora "mais protegida" do avanço do mar, após obras orçadas em meio milhão de euros.
 
Praia do Pedrógão mais protegida do avanço do mar
Global Imagens
"A praia está mais protegida do avanço do mar, depois das obras que terminaram na passada semana", afirmou à agência Lusa Ricardo Santos, admitindo, contudo, que "tudo depende de como o mar se vai comportar no inverno".

Expressando "confiança" no projeto desenvolvido no local, da responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), o responsável negou que o investimento, executado pela autarquia, seja um paliativo.

"Dá-nos mais confiança em relação ao que poderá acontecer no futuro", assegurou Ricardo Santos, considerando a obra "fundamental", embora sublinhando a necessidade de o litoral português ser analisado de forma global.

O vereador destacou, ainda, o facto de a obra ter sido concluída no prazo previsto, não obstante ter sido suspensa em agosto.

"Conseguimos cumprir o prazo para a execução da obra e foram dadas as condições às pessoas para usufruírem do verão", declarou.

Os trabalhos para travar o avanço do mar na praia do Pedrógão começaram em junho, mas foram suspensos em agosto para "minimizar o impacto" da obra no período em que a estância é mais procurada pelos veraneantes.

"A intervenção durante a época balnear explica-se pela necessidade de as obras terem de ser realizadas até ao final do ano, de forma a garantir o financiamento a 100% através do Plano Operacional Temático Valorização do Território, mas também devido às condições do mar", justificou na ocasião o município.

A empreitada, cujo projeto e soluções técnicas foram da responsabilidade da APA, contemplou, na área junto ao Centro Azul, local de realização de atividades de sensibilização ambiental, e que se estendeu até à ribeira, o enrocamento, enquanto na rotunda norte foram colocados sacos de areia. Entre esta rotunda e a ribeira foi depositada areia.

Nos últimos anos, a praia do Pedrógão tem sofrido um processo de erosão costeira que coloca em perigo iminente todas as infraestruturas adjacentes à marginal, assim como também toda a proteção dunar, informou a Câmara, liderada por Raul Castro.

Em setembro de 2013, a ondulação destruiu toda a zona da passagem de emergência, assim como descalçou o muro da rotunda e, este ano, o cenário "agravou-se, fruto das condições do estado do mar particularmente violentas, provocando súbitas e grandes alterações na zona dunar, tendo inclusive as ondas assomado ao paredão e passeios, causando danos na rotunda norte e Centro Azul".
 
Fonte: www.noticiasaominuto.com

0 comentários:

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga