Obra de defesa costeira em Mira vai custar meio milhão de euros (Portugal)

16:57 Marco Lyra | Engenheiro Civil | Especialista em Obras de Defesa Costeira. 0 Comentarios


Miguel Vidal- Reuters

Durante o último inverno, a própria autarquia gastou 10 mil euros com trabalhos de proteção provisória do areal da Praia de Mira

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) anunciou hoje que vai investir mais de meio milhão de euros na reabilitação dos esporões de Mira, devendo esta obra de defesa costeira estar concluída ainda este ano.

“É uma obra de grande importância para a defesa da orla costeira do concelho”, disse o presidente da Câmara Municipal, Raul Almeida, à agência Lusa.

Segundo Raul Almeida, a empreitada que a APA vai consignar na segunda-feira à empresa Irmãos Cavaco, pelo valor de 507.798,22 euros, mais IVA, “era há muito necessária” para a segurança das populações e para preservar o turismo, atividade com grande peso na economia deste concelho balnear, especialmente na zona da Praia de Mira.

“A empreitada tem por objetivo principal a reabilitação dos enraizamentos daquelas estruturas de defesa dos troços de costa e cordões dunares a norte e a sul das povoações do Areão, Poço da Cruz e frente urbana da Praia da Mira, garantindo igualmente a proteção da Lagoa de Mira”, refere a APA numa nota hoje divulgada.

Os esporões a beneficiar “apresentam rombos em resultado da forte ondulação de sul e sudeste, que tem vindo a registar-se em particular nos últimos anos”, acrescenta.

Esta situação tem suscitado “muitas preocupações” na comunidade local, salientou o presidente da Câmara, indicando que, após a sua eleição, em setembro de 2013, efetuou diversas diligências junto dos responsáveis da Agência Portuguesa do Ambiente para que o problema fosse resolvido.

Durante o último inverno, a própria autarquia gastou 10 mil euros com trabalhos de proteção provisória do areal da Praia de Mira.

O Bairro Norte é a zona habitada desta freguesia que mais tem sido flagelada pelas águas do mar, referiu Raul Almeida.

A cerimónia de consignação da obra de reabilitação dos esporões do Areão, Poço da Cruz e Sul realiza-se na segunda-feira, às 11:00, nos Paços do Concelho de Mira.

A empreitada, cuja conclusão está prevista para dezembro próximo, é financiada a 85% pelo Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), através do Programa Operacional Valorização do Território, e a 15% pelo Fundo de Proteção dos Recursos Hídricos.
Fonte: www.ionline.pt

0 comentários:

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga