Povoado é destruído pelo avanço do mar

10:31 Marco Lyra | Engenheiro Civil | Especialista em Obras de Defesa Costeira. 0 Comentarios


Novidade não é que o Rio São Francisco perdeu força em sua foz, na divisa dos estados de Alagoas e Sergipe.

Quer ter certeza?

Ouça um antigo morador da região ou repare, caso visite o lugar, o quanto as marés empurram suas águas rio acima.

Mas uma história, a do povoado Cabeço, talvez seja o retrato mais fiel do que, infelizmente, vem ocorrendo.

Como mostra reportagem da Agência Brasil, o povoado, que chegou a ter 400 moradores, foi transferido por conta da erosão marinha.

A erosão aumentou, segundo estudiosos, à medida que represas foram sendo construídas ao longo do Velho Chico.

A construção da Hidrelétrica de Xingó, inaugurada em 1994, sacramentou ainda mais o destino de Cabeço e de dezenas de pescadores.

Há 14 anos, as últimas famílias foram levadas para um assentamento.

E o entorno da foz, acrescente-se, sofre com a especulação imobiliária.

Muitos querem um lugar para chamar de seu, enquanto o rio…

Fonte: http://blogs.diariodepernambuco.com.br/meioambiente/

0 comentários:

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga